Cidade do Sertão da PB vai receber apenas 28 reais do Governo Federal para combater coronavírus

O que você faria se estivesse com uma gripe e tivesse hoje, à disposição, a quantia de R$ 28,04? Compraria uma dipirona? Uma vitamina C? Alguns comprimidos de antialérgico? Até para um único cidadão, a quantia é pequena. Imagine agora uma cidade inteira ter apenas esses recursos para combater uma pandemia mundial? Esse é o valor “extra” que será liberado pelo Governo Federal para a cidade de Várzea, no Sertão da Paraíba, para ser usado no combate ao coronavírus.

O município é o que receberá o menor valor entre as 223 cidades paraibanas, mas há outros índices irrisórios. A cidade de Quixaba, por exemplo, vai receber R$ 47,85. Já Matureia terá R$ 49,15 para as ações contra o novo vírus. Junco do Seridó, por sua vez, receberá o “montante” de R$ 85,49. Um verdadeiro desrespeito com essas populações!

Entre os Estados do Nordeste, a Paraíba é o Estado que menos receberá recursos do Governo Federal. De acordo com a tabela divulgada pelo Ministério da Saúde serão destinados R$ 11, 9 milhões para o Governo do Estado. O valor é tão pequeno que chega a ser menor do que o montante que receberão as prefeituras de João Pessoa (R$ 25 milhões) e Campina Grande (R$ 12,5 milhões) para o combate à Covid-19. A soma de todos os municípios paraibanos chegará a R$ 58 milhões.

No fim de semana o senador paraibano Veneziano Vital (PSB) questionou a distribuição dos recursos. O argumento dele é que a Paraíba não é o menor Estado do Nordeste, nem o que registra o menor número de casos da Covid-19. “Estamos questionando a falta de apresentação de critérios na liberação de recursos para os Estados, considerando a Paraíba ter sido o estado que menos recebeu transferências, mesmo sendo o estado com a 5ª maior população da região”, observou.

Em todo o país o Ministério da Saúde liberou mais R$ 4 bilhões “extras” para Estados e municípios reforçarem suas ações de combate ao coronavírus. O valor é um adicional ao que já recebem para custeio de ações e serviços relacionados à saúde. “Com os recursos, Estados e municípios terão mais fôlego financeiro em caixa para aquisição de materiais e insumos, abertura de leitos, além do custeio de profissionais de saúde, ações e procedimentos, de acordo com a necessidade local, para enfrentamento específico ao coronavírus”, diz a notícia publicada no site do Ministério da Saúde sobre a liberação dos recursos.

Confira a tabela por Estado do Nordeste:

Bahia – R$ 114 milhões
Pernambuco – R$ 107 milhões
Ceará – R$ 39 milhões
Maranhão – R$ 27 milhões
Sergipe – R$ 24 milhões
Piauí – R$ 19 milhões
Rio Grande do Norte – R$ 19 milhões
Alagoas – R$ 16 milhões
Paraíba – R$ 11,9 milhões

por Jornal da Paraíba

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.