Após reunião com governadores, Bolsonaro anuncia sanção do socorro a estados e municípios com veto a reajustes

Jair Bolsonaro, antes de finalizar a reunião com governadores, Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre, anunciou que a sanção do pacote de socorro financeiro a estados e municípios deverá ocorrer ainda hoje.

“O governo federal, se Deus quiser, sancionará hoje mesmo esse projeto, com vetos, os quais, segundo o nosso entendimento e, com toda a certeza, da maioria ou a totalidade dos governadores, devem ser mantidos. Isso é bom para todos nós.”

De acordo com Bolsonaro, congelar reajustes na remuneração de todos os servidores públicos até o fim do não que vem é o “remédio menos amargo” para o funcionalismo, “mas é de extrema importância para todos os 210 milhões de brasileiros”.

“Tivemos as mais variadas propostas, como por exemplo a redução de 25% dos salários. Em comum acordo com os poderes, chegamos à conclusão que congelando a remuneração e os proventos dos servidores até o fim do ano que vem, esse peso seria menor, de extrema importância para todos nós”, afirmou.

Bolsonaro esclareceu que esse congelamento de salários não afetaria progressões e as promoções. “Elas continuarão acontecendo normalmente, não serão atingidas.”

O Governo da Paraíba concedeu reajuste de 5% aos servidores estaduais. O aumento salarial foi aprovado na semana passada pela Assembleia Legislativa. Com a sanção do veto do presidente, o reajuste é automaticamente revogado.

por Anderson Soares

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.