Em Patos: MPF vai apurar sobrepreço de 153% na compra de álcool em gel

O Ministério Público Federal (MPF) em Patos está ‘de olho’ nas compras feitas por Prefeituras da região durante a pandemia do coronavírus. O procurador da república Tiago Misael determinou hoje a instauração de um inquérito civil público para investigar se uma das compras de álcool em gel, da prefeitura de Patos, foi feita com sobrepreço.

A investigação teve início com base nos relatórios de auditorias realizadas pelo Ministério Público da Paraíba.

Após analisar os contratos, o MPPB identificou indícios de possível sobrepreço na compra de álcool em gel com reservatório de 5 litros. O produto teria sido comprado pela prefeitura por R$ 200,00, quando o valor médio das cotações identificadas nas plataformas de órgãos públicos é de R$ 78,88. Segundo o MP, os indícios são de um sobrepreço de 153,54%.

As auditorias confeccionadas pelo MPPB, aliás, identificaram indícios de sobrepreço em contratos das 10 maiores cidades da Paraíba e também na compra de cestas básicas por parte do Governo do Estado.

É preciso, inclusive, que outros inquéritos e investigações sejam iniciados para que a análise dessas compras seja aprofundada. Afinal, as compras foram feitas com recursos públicos, durante uma pandemia. Que outras promotorias façam o mesmo.

por Blog Pleno Poder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.