Prefeito de Patos mais uma vez exonera servidores comissionados, mas diz que serviços não serão afetados

O prefeito interino de Patos, Ivanes Lacerda (Republicanos), colocou a caneta para funcionar e decretou a exoneração dos servidores de cargos comissionados da gestão municipal. De acordo com publicação feita no Diário Oficial do município, a determinação começou a vigorar nessa quarta-feira (22).  

A justificativa do ato foi dada pelo recém empossado secretário de Administração, Leônidas Dias disse que decisão tomada faz parte de uma reforma administrativa e adequação dos cargos.

Segundo a assessoria de Comunicação da Prefeitura, a medida não vai afetar o funcionamento dos serviços essências para a população, já que o município tem funcionários efetivos e o decreto não atinge os setores e ocupantes das funções consideras primordiais.

Mas não é a primeira vez que Ivanes assina um decreto como este. No fim de agosto do ano passo, o gestor tomou posse e exonerou todos os servidores comissionados alegando redução de gastos, o que há quem duvide da eficácia dessa ação na prática já que alguns foram recontratados e também foram feitas novas nomeações para ocuparem os cargos em questão.  

Conforme mostra os últimos dados lançados na plataforma Sagres Online, do Tribunal de Contas do estado (TCE), a Prefeitura de Patos tem 209 servidores em cargos comissionados e as despesas mensais com esses funcionários ultrapassam R$ 528 mil. Existem, ainda, 392 contratos por excepcional interesse público, um gasto de mais de R$ 445 mil todos os meses. 

por Portal TV SOL
 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.