Itaporanga: prefeito Divaldo Dantas abre inquérito administrativo para apurar indústria das multas

Na manhã desta sexta-feira (24), através de portaria, suspendeu a emissão de multas por parte dos agentes, ao ser constatado um número demasiado de emissão de multas após o encaminhamento à Câmara Municipal do projeto de lei que extingue a superintendência de trânsito do município devolvendo a responsabilidade para o estado.

A gestão foi informada que na manhã desta sexta-feira (24), a média de aplicação de multas teve uma crescente exorbitante. Segundo relatos da administração, a estimativa é que o órgão aplicou uma 1 multa a cada 4 minutos. O prefeito, Divaldo Dantas suspendeu para apurar se realmente a indústria das multas está instaurada na cidade de Itaporanga.

A companhia de transito do município foi instalada no final da gestão Audiberg Alves, sem que houvesse nenhum planejamento estruturante. A atual gestão foi a responsável por toda a estruturação desse órgão, como compra de viaturas, fardas e treinamento para os agentes, afirmou Divaldo Dantas. Porém, nesse momento de tantas dificuldades a prefeitura precisa diminuir o custa da máquina pública, para que possa ajudar as pessoas mais carentes a superar as dificuldades pós pandemia, e a devolução do trânsito para o estado nos trará uma economia.

por Política pra quem gosta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.