Justiça arquiva inquérito contra Ricardo Coutinho no ‘caso Bruno Ernesto’

A Justiça da Paraíba determinou, em decisão proferida em agosto, pelo arquivamento do inquérito que investigou o suposto envolvimento do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) na morte de Bruno Ernesto.

Na decisão, a juíza Francilucy Rejane de Sousa Mota, do 2º Tribunal do Júri da Comarca de João Pessoa, entendeu que não havia nenhum fato que provasse a participação do ex-governador no crime.

“Não vislumbro, igualmente, qualquer elemento suficiente a embasar uma denúncia, razão pela qual acato o requerimento da parte, determinando, por conseguinte, com esteio nos artigos 18 e 28 do Código de Processo Penal, o arquivamento dos presentes autos”, diz a juíza em sua decisão.

Bruno Ernesto era ex-servidor da Prefeitura de João Pessoa, quando Ricardo era o prefeito da Capital, e foi morto no dia 7 de setembro de 2012. Ele teria sido assassinado por ter conhecimento sobre suposto esquema de corrupção ocorrido por meio do programa Jampa Digital, executado na gestão municipal de Ricardo. Inicialmente, o caso foi tratado pela polícia como latrocínio e seis pessoas foram sentenciadas.

por Redação do Portal Correio

Foto: Arquivo/Jornal Correio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.