MPE pede deferimento da candidatura de Carmelita Mangueira, em Diamante

O Ministério Público Eleitoral pediu nessa sexta-feira (16) o deferimento do registro da candidatura de Carmelita Mangueira (Republicanos) à prefeitura de Diamante (PB) por ela está em pleno gozo dos direitos políticos. O documento foi assinado pelo promotor Alcides Leite De Amorim.

Para a decisão, o promotor apontou que a atual prefeita apresentou documentação capaz de comprovar sua elegibilidade, notadamente com a certidão da própria Justiça Eleitoral informando da sua quitação. Sendo assim, não seria possível representar impugnação do regsitro. 

No dia 8 deste mês, o MPE havia pedido a indeferimento da candidatura dela, uma vez que estaria na condição de inelegibilidade por ser condenada por captação ilícita de sufrágio (art. 41-A da Lei nº 9.504/1997) no Processo nº 1149662012, em decisão (colegiada ou transitada em julgado) proferida pelo Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, nas eleições de 2012.

A candidata irá disputar o pleito com o vereador Edvan Bezerra (Republicanos) como vice.

Os outros candidatos à prefeitura diamantense também tiveram o deferimento do registro das candidaturas. Clarice Melo (Cidadania) e Hermes Filho (Podemos), ficaram aptos para concorrer ao pleito, dia 15 de novembro. 

por Diamante Online

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.