Justiça determina que prefeitura indenize em R$ 50 mil enfermeira que foi espancada em hospital

O Tribunal de Justiça de São Paulo determinou que a enfermeira, de 66 anos, agredida no Pronto-Socorro da Zona Noroeste de Santos-SP, seja indenizada em R$ 50 mil por danos morais. Conforme a sentença, a prefeitura da cidade deverá efetuar o pagamento à profissional.

O caso ocorreu em 10 de agosto de 2018, quando a enfermeira e uma técnica de gesso foram agredidas pela filha de um paciente. O pai da agressora estava internado na unidade de saúde, localizada no bairro Castelo, e foi orientado a aguardar. Indignada, a filha do homem puxou o cabelo da vítima e a arrastou pelo chão. O momento foi gravado por outros pacientes que estavam no local. O vídeo foi anexado ao processo.

por Redação Jornal de Brasília

foto: Divulgação/Prefeitura de Santos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.