Deputado Julian Lemos denuncia fake news e confirma voto favorável ao auxílio emergencial

O deputado federal Julian Lemos (PSL) utilizou as redes sociais para denunciar fake news envolvendo seu nome e a votação da PEC Emergencial.

De acordo com o parlamentar, ele votou de modo favorável ao retorno do auxílio emegercial, mas, foi contra o texto original da PEC que registrava parágrafos desfavoráveis ao setor que representa, o da Segurança Pública, que retirava a possibilidade de promoções para integrantes do setor no período de 5 ou até 15 anos.

“Eu votei SIM pelo auxílio emergencial e contra verdadeiros abusos contra as forças de segurança do Brasil”, disse Julian.

O deputado também votou contra os gatilhos que retiram do servidor público a possibilidade de reajuste salarial por, no mínimo, 15 anos, porém, eles foram mantidos e até concursos públicos foram vedados.

“Isso quer dizer que só em 2036 vocês poderão ter reajuste […] isso é muito, muito ruim para o setor público de modo geral […] que enfrentará 15 anos de congelamento salarial, eu não pude concordar com tamanho absurdo”, afirmou Julian.

Outra justificativa para votar contra o texto original, segundo o parlamentar é que “esse corte não atingiu a nossa categoria política, magistrados e a escala mais alta do setor público por esse motivo votei contra o texto original, mas, não votei contra a PEC”.

Julian Lemos aponta setores ligados a determinado deputado paraibano como responsáveis pelas fake news e pelas tentativas de descontruir politicamente o seu nome.

Clique no player abaixo e confira a íntegra da fala do deputado federal Julian Lemos:

por ParaíbaRádioBlog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.