João Doria diz que não sabia do uso de tecnologia estrangeira na Butanvac

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), foi questionado nesta segunda-feira (29) sobre o porquê dele não ter citado o uso de tecnologia estrangeira no desenvolvimento da Butanvac, vacina do Instituto Butantan, que foi anunciada como “100% brasileira.”

O hospital Mount Sinai, de Nova York, afirmou que a Butanvac se utilizou de pesquisa desenvolvida nos Estados Unidos. Doria minimizou o fato e disse que, no momento, qualquer tecnologia e ajuda é bem-vinda para combater a pandemia.

“Entendo que a Butanvac é uma vacina nacional, brasileira. Importante é termos a vacina e temos uma vacina nacional. Se ela tem parte dela via tecnologia internacional, é uma boa contribuição, positivo. Temos que combater a pandemia com todas as forças disponíveis,” disse o governador.

Butanvac Instituto Butantan
O governo do estado de São Paulo anunciou a criação da Butanvac, vacina contra a Covid-19 desenvolvida integralmente pelo Instituto Butantan

por Bruna Macedo/CNN Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.