Plataforma de mídia social de Donald Trump deve ser lançada em 3 ou 4 meses

O ex-assessor da campanha de Donald Trump em 2020, Corey Lewandowski, informou durante uma entrevista no último sábado (27) que a plataforma de mídia social do ex-presidente deve ser lançada em 3 ou 4 meses.

Na entrevista, Corey descreveu a plataforma como “uma ferramenta de comunicação interativa, por meio da qual o presidente poderá postar coisas que as pessoas poderão relatar e se comunicar diretamente com ele.”

Corey também comentou as últimas atitudes das Big Techs: “o que vimos da Big Tech e da cultura do cancelamento é que, se você não concordar com a filosofia deles, eles irão cancelá-lo”, disse o ex-assessor.

Agora, “teremos uma plataforma na qual a mensagem do presidente do ‘America First’ poderá ser divulgada para todos, além de haver uma oportunidade para pessoas se comunicarem em um formato livre, sem medo de represálias ou cancelamento”, acrescentou Corey.

O ex-assessor destacou ainda que a nova plataforma não dependerá de servidores da Amazon, para não sofrer o mesmo destino de Parler, por exemplo.

“Ele será construído do zero, do zero, e isso dará a ele a oportunidade de controlar não apenas a distribuição, mas também quem participa dele”, disse Corey.

Jason Miller, atual assessor de Trump, também confirmou que a nova plataforma está próxima de ser lançada. Miller disse ainda que a iniciativa “redefinirá completamente o jogo” e atrairá “dezenas de milhões” de usuários.

por Terça Livre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.