Conselho de Ética vota parecer da cassação de Flordelis nesta terça-feira

O Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara dos Deputados decide nesta terça-feira (1°) o destino do parecer sobre a cassação da deputada federal Flordelis (PSD-RJ), apresentado pelo relator, o deputado Alexandre Leite (DEM-SP), na última quinta-feira (28). O conteúdo, porém, ainda está lacrado e será aberto na sessão de hoje, prevista para começar às 13h.

Flordelis foi denunciada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ) como mandante do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019. O parecer do relator será discutido e votado pelos demais membros do Conselho. É necessário a maioria simples, ou seja, 11 votos, para dar prosseguimento ao processo de cassação.

Em caso de aprovação do relatório, Flordelis ainda poderá recorrer ao Conselho de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados (CCJC). Por fim, as decisões do Conselho de Ética seguem para votação aberta em plenário, onde também é preciso voto favorável da maioria simples; neste caso, 257 parlamentares.

Em sua defesa, a deputada afirma que houve erro na conclusão das investigações e alega que não pode ser julgada antes que todo o processo seja concluído.

A parlamentar é ré na 3ª Vara Criminal de Niterói, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. O processo está em fase de apreciação dos recursos interpostos pelas defesas dos acusados.

por Paulo Moura

foto: Reprodução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.