Polícia Federal prende secretário de Saúde do AM no aeroporto de Manaus

A Polícia Federal prendeu o secretário de Saúde do Amazonas, Marcellus Campelo, na tarde desta quarta-feira (2), no aeroporto de Manaus. Campelo voltava de Camapinas após compromissos particulares. De acordo com a Superintendência da PF, ele se apresentou às autoridades por conta própria.

Campelo é alvo da Operação Sangria, da PF, que investiga a alta cúpula do governo do Amazonas por desvios na Saúde do estado.

Ao todo, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) expediu 25 mandados judiciais, sendo 19 de busca e apreensão e 6 de prisão temporária. O governador Wilson Lima (PSC) foi um dos alvos do mandado de busca e apreensão e teve a casa vistoriada pela Polícia Federal nesta manhã. As ações foram cumpridas em Porto Alegre a na capital manauara.

Um outro alvo da investigação, o filho de um empresário alvo da operação recebeu a PF com tiros.

Os envolvidos também tiveram parte dos bens bloqueados, somando mais de R$ 22,8 milhões congelados pela Justiça.

ACUSAÇÕES
A Polícia Federal apura indícios de que a Secretaria Estadual de Saúde do Amazonas, sob orientação do governo estadual, realizou contratações fraudulentas durante a pandemia para favorecer empresários locais. Um hospital de campanha estaria envolvido nas irregularidades.

Os investigados devem responder por fraude à licitação, peculato e pertencimento a organização criminosa. As penas podem chegar a 24 anos.

por Gabriela Doria

foto: Reprodução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.