Dinheiro da iluminação: TCE não aceita defesa do prefeito de Patos e mantém parecer na denúncia do vereador Josmá

O Tribunal de Contas da Paraíba-TCE-PB, julgou procedente a denúncia do vereador Josmá Oliveira(Patriota), contra o município de Patos, alegando falta de transparência nas informações concernentes aos recursos arrecadados pelo município com a contribuição de iluminação pública arrecadada nas contas dos consumidores da cidade.

O documento cita que a´pos analisar a defesa do gestor, manteve o entendimento de que as informações requeridas pelo vereador Josmá não foram entregues pela gestão, desrespeitando a Lei Municipal 5.382/2020, como prevê a Lei de Acesso a Informação.

O TCE entendeu como irregular a retenção de R$ 485.947,31, referentes a destinação específica da Contribuição de Iluminação pública-CIP, relativos à iluminação dos prédios públicos da Prefeitura de Patos, Procon Municipal, Univade Básica de Saúde da Família do Conjunto Itatiunga e da Lavanderia Madrinha Sinhá, sendo necessária a devolução desses valores, por meio de recursos próprios não vinculados, para aconta específica da CIP.

O procurador geral do município, Alexsandro Lacerda , disse ao Blog do Jordan Bezerra que em breve estará se pronunciando oficialmente sobre o assunto. Confira o documento;

por Blog do Jordan Bezerra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.