Nilvan diz que PTB ainda não fechou apoio a Romero e deixa em aberto candidatura em caso de desistência do ex-prefeito: “Na hora certa vamos discutir”

Em entrevista ao Polêmica Paraíba nesta segunda-feira (4), o presidente estadual do PTB na Paraíba, Nilvan Ferreira, disse que o partido ainda não está decidido em relação ao apoio à pré-candidatura do ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), ao governo do estado para as eleições de 2022.

Ao ser questionado sobre os rumores de uma possível desistência de Romero em disputar as eleições para governador para pleitear uma vaga no Senado Federal, Nilvan disse que tem obtido informações desses rumores apenas pela imprensa e afirmou que prefere esperar por uma posição oficial do ex-prefeito.

“O que eu tenho sabido é o que a imprensa divulga. Eu prefiro aguardar uma posição clara de Romero, que é o nome que está colocado para ter apoio dos partidos da oposição”, iniciou.

Em seguida, Nilvan afirmou que o PTB ainda não está decidido quanto a quem irá apoiar em 2022, apenas declarando que o candidato do seu partido terá que defender a reeleição do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

“O PTB não tem posição definida ainda sobre apoio ao governo. O partido não tem uma posição tomada sobre quem vai apoiar. O nosso apoio, é claro, será a alguém que seja oposição a João Azevêdo e que defenda a reeleição do presidente Bolsonaro. Então a gente está ainda nessa etapa de aguardar o desfecho, ver os nomes que serão apresentados pela oposição e a gente tomar uma postura enquanto partido”, respondeu Nilvan.

Questionado ainda se colocaria seu nome à disposição do grupo para disputar o pleito estadual no próximo ano em caso de desistência de Romero, Nilvan não negou nem confirmou, mas enfatizou novamente que prefere aguardar o desenrolar dos fatos.

“Eu prefiro esperar o que vai acontecer daqui para frente. A gente tem tempo. Enquanto isso a gente está fazendo política, montando a chapa de estadual, de federal, e na hora certa vamos discutir a questão de governador e senador, para tomar a melhor posição para o grupo da oposição”, afirmou.

Por último, perguntado se vê possibilidades de diálogo entre Romero e João Azevêdo, como tem sido especulado nas últimas semanas, Nilvan disse que fala apenas por si, rejeitando qualquer contato com o governador João Azevêdo.

“Nem falo sobre isso. É uma coisa muito particular deles. Quem tem que responder isso é Romero e João. Eu sei que eu não converso com João. Tenho postura clara, o partido tem posição clara e nosso palanque é totalmente contrário a tudo isso que está aí”, respondeu.

por Polêmica Paraíba

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.