Presidente da Eletrobras espera concluir privatização até abril

O presidente da Eletrobras, Rodrigo Limp, disse nesta quarta-feira (17) que sua expectativa é de que o processo de privatização da estatal seja concluído até abril. O cronograma, porém, causou preocupação em analistas devido ao prazo para a análise do Tribunal de Contas da União (TCU).

– Nossa percepção é [de] que está dentro da normalidade no TCU. Já tivemos a oportunidade de interagir com o relator e com os demais ministros e é natural que, em um processo da importância e da complexidade da capitalização da Eletrobras, o Tribunal possa, dentro do seu papel legítimo, fazer todas essas análises e propor ajustes e aprimoramentos – disse Limp em reunião virtual com acionistas para discussão dos resultados financeiros do terceiro trimestre de 2021.

Segundo ele, o cronograma atual prevê que a privatização, sancionada em 13 de julho de 2021, seja concluída até maio de 2022, mas considera que a operação poderia aproveitar uma boa janela para negociação das ações em abril. O plano é que sejam lançados novos papéis para venda apenas a investidores privados, reduzindo assim a fatia estatal na companhia.

Contudo, para a conclusão do processo, o TCU ainda precisa analisar os valores definidos pelo Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) para a outorga de novos contratos de concessão de 22 hidrelétricas.

A última reunião do TCU ocorrerá no dia 8 de dezembro. No caso de o processo não ser levado ao plenário até lá, ou no caso de haver pedido de vista por parte de algum ministro da Corte, qualquer decisão do Tribunal só poderá ocorrer em 2022.

por Pierre Borges

foto: Reprodução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.