Auxílio Brasil: Com fila zerada, como verificar se você receberá os R$ 400

Mais 2,7 milhões de famílias farão parte do Auxílio Brasil, programa do governo federal que substitui o Bolsa Família. Estas pessoas estão cadastradas no CadÚnico e atendem aos critérios de seleção. Dessa forma, o Ministério da Cidadania garante que conseguiu zerar a fila de espera para o benefício.

Para saber se você tem direito ao benefício de R$ 400, ainda é necessário consultar o resultado no app oficial do Auxílio Brasil ou no do Caixa Tem.

No entanto, o sistema ainda está em processo de atualização. Por isso, é provável que os resultados por essas plataformas comecem a sair mesmo quando a data de início dos pagamentos de janeiro se aproximar.

Uma alternativa é procurar os Centros de Referência em Assistência Social (CRAS), que, segundo relatos, já teria a informação se o cidadão faz ou não parte do Auxílio Brasil.

O que é?

Braço social do Governo Federal, o Auxílio Brasil integra em um só programa várias políticas públicas de assistência social, saúde, educação, emprego e renda.

Quem tem direito?

Famílias em situação de extrema pobreza e famílias em situação de pobreza, que possuírem em sua composição gestantes ou pessoas com idade até 21 (vinte e um) anos incompletos.

Quando será o pagamento?

Os pagamentos de janeiro do Auxílio Brasil começam a partir do dia 18. O calendário oficial do ano de 2022 já foi divulgado. Confira abaixo.

Qual o valor?

Os pagamentos de R$ 400 estão confirmados, a princípio, até o fim deste ano e ninguém deve receber menos do que esse valor.

por MSN

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.