Professores da rede estadual de ensino da Paraíba ameaçam greve por não reajuste

O início das aulas da rede estadual de ensino da Paraíba poderá não acontecer no início de fevereiro devido a uma possibilidade de greve por parte dos professores, conforme garantiu o presidente da Associação dos Professores da Licenciatura Plena (APLP), Odenílson Medeiros.

Em entrevista à rádio Caturité FM, nesta terça-feira, 18, o profissional explicou que a possibilidade de paralisação do magistério foi discutida em assembleia realizada nesta segunda-feira, em um diálogo que teve a participação de todas as regionais que compõem a associação.

“Estivemos conversando com todos os representantes e 98% deles já demonstraram interesse em não retornar ao trabalho caso o Governo do Estado não implante o reajuste salarial de acordo com o piso nacional do magistério”, garantiu.

Anualmente o Ministério da Educação realiza essa correção do piso básico nacional dos professores. A assembleia realizada pela APLP basicamente decidiu que, se o contracheque de janeiro não vier com o reajuste, que segundo o professor Odenilson ainda não foi sinalizado pelo governo estadual, a categoria não dará início às aulas no início do próximo mês.

por paraiba online

foto: Agência Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.