Patos mantém pontos facultativos nos dias 28 de fevereiro e 1º de março em novo decreto

A Prefeitura de Patos publicou, nesta quarta-feira (16), um novo decreto municipal que prorroga as novas medidas temporárias e emergenciais de prevenção de contágio pelo novo coronavírus e da exigência do cartão de vacinação.

O decreto, que tem vigência de 16 de fevereiro a 06 de março, manteve o ponto facultativo nas repartições públicas da Administração Direta e Indireta do Município, no dia 28 de fevereiro de 2022 e dia 1º de março de 2022, referentes aos feriados de Carnaval.

A medida no entanto não é válida aos órgãos e entidades de serviços essenciais e indispensáveis tais como: Superintendência de Trânsito e Transporte (Sttrans), Guarda Municipal, Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), e em unidades de saúde. O retorno dos trabalhos será no dia 2 de março, a partir das 12h.

Ainda de acordo com o decreto, caberá aos estabelecimentos a adoção das providências necessárias mediante ao controle de entrada de cada indivíduo nas suas dependências, mediante apresentação do comprovante vacinal juntamente com documento de identidade com foto e a manutenção dos acessos às suas dependências livre de tumultos e aglomerações. 

Também está proibida a comercialização, venda, distribuição e consumo de bebida alcoólica em todo o Mercado Público Municipal, Juvino Lilioso e Darcílio Wanderley. O descumprimento das normas sujeitará ao estabelecimento à aplicação de multa, podendo implicar no fechamento em caso de reincidência.

por ClickPB

foto: Reprodução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.