Brasileiro que joga na Ucrânia pode ser convocado pelo Exército

O jogador Junior Moraes, de 34 anos, que já atuou no Santos e, atualmente, é atacante no time ucraniano Shakhtar Donetsk, pode ser convocado pelo Exército da Ucrânia para lutar no conflito contra a Rússia. O atleta, de 34 anos, nasceu em Santos (SP), mas naturalizou-se ucraniano em 2019, para defender a seleção daquele país.

Por causa do estado de mobilização geral decretado na noite dessa quinta-feira (24) pelo presidente Volodymyr Zelensky, o governo ucraniano ordenou o “recrutamento de recrutas, reservistas para o serviço militar, sua entrega a unidades militares e instituições das Forças Armadas da Ucrânia” e outros serviços de segurança do Estado.

A Ucrânia proibiu todos os cidadãos do sexo masculino de 18 a 60 anos de deixarem o país, de acordo com o Serviço de Guarda de Fronteiras do Estado.

Ao portal G1, o pai do atleta, Aluísio Chaves Ribeiro Moraes, que mora em Santos, disse nesta sexta-feira (25) que ainda não conversou com o filho sobre o assunto. Ele demonstrou preocupação, mas disse que o filho tem dupla nacionalidade e, portanto, não deveria lutar.

– Vou falar pra ele não ir não; nada a ver. Ele tem dupla nacionalidade. Ele não tem que lutar pela Ucrânia – comentou Aluísio.

por Pleno.News

foto: EFE/EPA/Sergey Dolzhenko

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.