Efraim Filho critica descriminalização do aborto

Na última semana de fevereiro a decisão da Corte Constitucional da Colômbia que descriminalizou o aborto realizado até a 24ª semana de gestação ganhou as manchetes. Essa medida permite que as mulheres colombianas possam decidir sobre a interrupção da gravidez por qualquer motivo até o sexto mês.

Para o coordenador da bancada paraibana, deputado Efraim Filho (União Brasil/PB), as questões sobre a vida do nascituro devem ser respeitadas e levadas em consideração.

“A decisão da Corte Colombiana vai contra os princípios de muita gente, contra a defesa da vida desde a sua concepção”, comenta.

O parlamentar completa dizendo ser contrário à medida tomada pelo país. “A ciência considera uma nova vida desde o início. Hoje temos como prestar atendimento para essas mulheres a fim de evitar tomar uma medida tão extrema. Quantas pessoas esperam por uma criança? Abortar é interromper a vida de um inocente”, lamenta.

Atualmente, no Brasil, a lei estabelece que o aborto é crime, podendo ser legalizado apenas em três situações: em caso de estupro, de risco de vida da gestante ou de bebês com anencefalia, ou seja, com uma má formação grave no cérebro.

por MaisPB

foto: Reprodução

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.