Sobe para 91 o número de mortos pelas chuvas em Pernambuco

O número de pessoas que morreram por causa das chuvas que atingem o Recife, capital de Pernambuco, subiu para 91. A informação foi confirmada nesta segunda-feira (30) pelo Centro de Comando e Controle Regional do estado. Outras 26 pessoas continuam desaparecidas. Até o momento, 4.875 estão desabrigadas ou desalojadas. 

As forças de segurança, Defesa Civil, Exército e órgãos municipais estão atuando em sete pontos de deslizamento da região metropolitana do Recife. São eles: Zumbi do Pacheco e Curado IV (Jaboatão dos Guararapes); Areeiro (Camaragibe); Monte Verde/Ibura, Barro e Guabiraba (Recife); e Paratibe (Paulista).

São empregados nessa operação 198 bombeiros militares de Pernambuco, 11 bombeiros da Paraíba, 7 de Minas Gerais, 8 do Rio Grande do Norte, 8 policiais militares e 100 guardas municipais e 25 funcionários da Emlurb (Empresa de Manutenção e Limpeza Urbana do Recife). Também atuam 60 militares do Exército, 22 profissionais da Marinha e 4 policiais civis da Core (Coordenação de Operações e Recursos Especiais) da Polícia Civil de Pernambuco.

Um deslizamento de terra deixou pelo menos sete pessoas mortas na região do Córrego do Morcego, no bairro Dois Irmãos, em Recife, no estado de Pernambuco, na manhã desta terça-feira (24).

Nas buscas e salvamentos e no fornecimento de mantimentos a populações de áreas afetadas, são empregadas embarcações e seis aeronaves, três delas do Grupamento Tático Aéreo da SDS e três da PRF (Polícia Rodoviária Federal).

“Estamos trabalhando com força total, mobilizando os recursos disponíveis, buscando profissionais de vários estados do Brasil com especialidade em resgate em áreas de deslizamento, além de suporte às áreas atingidas, por terra, água e ar. Para isso, estamos buscando todas as formas de amenizar os graves impactos das fortes chuvas”, disse o secretário de Defesa Social, Humberto Freire.

Até o momento, 14 municípios decretaram situação de emergência: Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, São José da Coroa Grande, Moreno, Nazaré, Macaparana, Cabo de Santo Agostinho, São Vicente Ferrer, Paudalho, Paulista, Goiana, Timbaúba e Camaragibe.

Nesta segunda, o governo federal anunciou benefícios para pessoas afetadas pelas chuvas na região metropolitana do Recife, onde o número de mortos pelas enchentes e deslizamentos subiu para 91 nesta manhã. Entre os recursos estão a antecipação e a solicitação de uma parcela extra do BPC (Benefício de Prestação Continuada) sem juros e a liberação do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) em até cinco dias.

Na capital pernambucana, junto com uma comitiva de ministros, o presidente Jair Bolsonaro (PL) garantiu a possibilidade de solicitar o BPC sem juros. O benefício garante um salário mínimo por mês ao idoso com idade igual ou superior a 65 anos ou à pessoa com deficiência de qualquer idade. “Aqueles que, porventura, quiserem um empréstimo do BPC, sem juros, poderão fazer.”

Por R7

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.